O que tá acontecendo? – Covid 19 –

É assustador….

Ouvimos: É tudo alarde!
Vírus de laboratório, eu aposto!
Teoria da Conspiração!
Fechar tudo pra quê? o povo é preguiçoso mesmo.

assustador não é, ouvir tudo isso?

Países inteiros dentro de suas casas, economia despencando, comércio local assustado, sem aulas presenciais e lá se vão alguns dias…. Cara, até a Disney fechou! O Mundo parou…

E tem gente que age com ignorância achando que tudo é exagero. Ouvimos na TV e nos rádios empresas que estão operando em home office, escolas e faculdades sem aulas, museus, teatros e shows cancelados …

Mas Distanciamento Social, Quarentena, isolamento o que cada um quer dizer?

Distanciamento  Social: calma não é o que acontece no domingo quando estamos todos juntos e separados por telas, mas sim uma forma de prevenção ao Covid-19. Uma das principais formas de transmissão do novo coronavírus se dá quando alguém tosse ou espirra e, assim, libera gotículas com o agente patogênico, que ficam no ar ou recaem sobre superfícies. O indivíduo pode ser contaminado ao respirar essas partículas ou após tocar objetos infectados e levar as mãos aos olhos, ao nariz ou à boca. Quanto menor o contato social, menor a chance de que esses cenários aconteçam e maior a probabilidade conseguirmos “achatar a curva” de infecção….

QUARENTENA: os 40 que são 14, rs.  É um tipo de reclusão aplicado a determinado grupo de pessoas que estão sadias, mas podem ter sido contaminadas pelo agente causador de alguma doença, a fim de evitar que ela espalhe-se. Esse procedimento foi adotado várias vezes na história, porém não se sabe ao certo quando foi praticado pela primeira vez.

Muitas pessoas pensam que a quarentena refere-se a 40 dias de reclusão, porém isso não é verdade. O tempo de quarentena é determinado de acordo com o período de incubação da doença, nos dias de hoje 14 por conta do Covid-19.

Já o Isolamento Social, são para aqueles que estão infectados (comprovado via exame) tanto para o Covid-19, quanto para outros doenças. Esse isolamento social “fecha o cerco” da doença e ela não se propaga.

Eu to perdida e um pouco boquiaberta com alguns discursos, não estou dizendo que pra mim tá fácil. Mas é tempo de olhar para o próximo, não é sobre eu e você e sim sobre NÓS! Sobre uma população, tenho 36 anos e NUNCA vivi com o medo do amanhã.

Hoje, a frase que eu ouvia da minha mãe: Aqui em casa você está segura! Eu falo para os meus filhos e para a minha mãe, mas com medo do que pode vir.  Estamos com as medidas profiláticas em dia aqui em casa, seguindo as recomendações da OMS e muito mais… Vai ser fácil? Não, não vai! Mas se nos resguardamos agora, talvez seja menos difícil.

Tenha responsabilidade social! Se você pode, mantenha-se em casa.

Algumas medidas preventivas:

• Mantenha as mãos limpas: lave muito bem as mãos e ao tocar em objetos como maçanetas, botões de elevador, dispositivos eletrônicos e outros, evite colocá-las em seus olhos, nariz e boca.

• Lavar bem as mãos significa utilizar sabão, limpar entre os dedos e debaixo das unhas durante 20 segundos ou o tempo suficiente para cantar “Parabéns” por duas vezes.

• Ao lavar as mãos, se possível, não to-que diretamente na maçaneta da porta, use o cotovelo ou uma toalha de papel para abri-la.

• Faça uso da “etiqueta da tosse”: se você espirrar ou tossir, cubra o nariz e a boca com um lenço de papel. Se for um espirro repentino, cubra com o interior de sua blusa. Além disso, mantenha-se afastado das pessoas ao seu redor.

• Use máscaras para evitar a transmissão em lugares públicos, se estiver com sintomas como tosse e espirro.

• Não utilize as máscaras por mais de 2 horas e ou se molharem.

• Ao fazer uso da máscara, posicione-a corretamente, cobrindo todo o rosto, sem deixar folgas ou orifícios, protegendo a boca e nariz.

• Não compartilhe comida, utensílios, copos ou toalhas.

Juntos venceremos!

 

Facebook Comments