Como organizar home office de forma eficiente?

Se eu não surtar agora, não surto mais kkkkkkkk.

Brincadeiras a parte, dessa vez não ta sendo fácil não. Home office não é brincadeira né? (já conferiram o nosso post anterior).

Mas dessa vez manteremos o foco no: home office com as crianças.
Conversamos com  a especialista em estratégia de carreira, Rebeca Toyama que nós deu dicas sobre como praticar home office de forma eficiente, com organização, disciplina, mesmo com as crianças em casa e dando continuidade aos estudos.

Fácil não é, mas impossível também não, rs.
Depois da Organização Mundial da Saúde (OMS) ter declarado pandemia de coronavírus, e as autoridades públicas anunciarem medidas para conter a disseminação da doença como suspensão das aulas, fechamento de cinemas, teatros, deixando apenas aberto o que for de utilidade pública, muitos profissionais se viram diante da realidade do home office com o agravante das aulas igualmente canceladas. Diante desse fato, muitas empresas estão organizando o modelo de trabalho remoto com reuniões, conferências e chamadas seguindo, na medida do possível, seu ritmo normal, mas lidar com os pequenos e com a rotina profissional ao mesmo tempo não é tão simples.
Uma live com um fundo de choro, uma reunião com 450 Oh Mãe, Oh Mãe…

Home office com crianças

A administração do tempo é essencial neste período, ainda mais quando se tem os filhos em casa e as demandas do trabalho, mas o importante é não se ausentar para ambos. Com organização e a comunicação em equipe, as tarefas do trabalho serão cumpridas, já com as crianças, o papel é acompanhar e estimular a realização de tarefas escolares na quarentena. “O primeiro passo é explicar às crianças, conforme seu nível de entendimento, que ninguém está em férias e é preciso manter uma rotina, como melhor ponto de partida”, avalia a especialista.

As crianças copiam sempre as atitudes dos adultos, aqui em casa pego o Felipe com caneta e falando: To trabalhando perai, rs e essa é uma oportunidade para mostrar aos filhos a importância da disciplina e dedicação com o trabalho e os estudos. “Essa é uma excelente forma para estreitar os laços familiares. Os pais precisam criar uma rotina de estudos para seus filhos em casa, levando em consideração os horários que as crianças seguem em seu dia-a-dia.”, conta Rebeca.

Além da rotina de estudos, a Rebeca revela que os pais precisam se atentar às atividades que vão oferecer, evitando que as crianças fiquem muito tempo ociosos, em frente à televisão ou com celular nas mãos. “Reservar uma parte do dia para os estudos e mesclar o tempo restante com atividades lúdicas e educativas ajudará muito, pois eles estão em constante aprendizado e é sempre importante estimular novas experiências.”, finaliza a especialista.

Para ajudar os profissionais nesta nova experiência, Rebeca Toyama, especialista em estratégia de carreira, selecionou 10 dicas para executar o trabalho remoto de forma produtiva mantendo as crianças em casa.
Calma que vai dá certo, a primeira semana foi confusa, cheia de expectativas e apreensão, mas agora temos que colocar a casa em ordem né?

1- Mantenha sua rotina: Acorde no horário habitual e mantenha sua rotina em casa. Vista-se adequadamente, faça um café e lanches e defina um horário específico de trabalho;

2- Tenha um espaço para trabalhar: Separe um local silencioso e confortável para que consiga focar e cumprir as demandas. Se for preciso mudar algum móvel de lugar, o recomendado para se montar um escritório em um local que não seja a sala ou a cozinha, por exemplo, se o espaço permitir;

3- Seja disciplinado: Evite distrações como televisão e redes sociais e dedique seu tempo para os fluxos de trabalho;

4- Mantenha contato com pessoas: Além do contato com a equipe de trabalho, nas pausas tenha conversas leves, assim evitará se sentir isolado. Aproveite as ferramentas de vídeo-chamada e faça pequenas interrupções para falar com as pessoas;

5- Crie para eles uma rotina de estudos: Mantenha os horários que as crianças seguem em seu dia-a-dia. Tenha um lugar onde a criança consiga estudar, sem ter contato com distrações;

6- Dê prioridade para os estudos da criança: Algumas escolas adotaram o ensino a distância e as “homeworks” são transmitidas diariamente, mas grande parte do ensino nacional ainda não tem essa estrutura, por isso é interessante buscar alternativas na internet de vídeos e atividades indicadas para cada faixa etária. Hoje em dia existem canais no Youtube com conteúdos educativos;

7- Dê atividades para as crianças: No tempo livre, depois de realizarem as tarefas da escola, brincadeiras como STOP, palavras-cruzadas, forca, jogos de tabuleiro, xadrez e outras atividades ajudam a exercitar o cérebro e ocupam o tempo;

8- Jogos com tarefas longas são interessantes: Como montagem de blocos com muitas peças ou quebra-cabeças que são mais em conta. Há mosaicos complexos que exigem horas de dedicação para formar uma imagem e ocupam boa parte do tempo das crianças. Em suas pausas, reserve alguns minutos para mostrar novas atividades que desperte diferentes experiências, como por exemplo, arte com recicláveis e atividades que utilizem recorte e colagem, estimulando a imaginação;

9- Seja o maior exemplo: Todos sabem que as crianças observam os adultos, portanto, mostre para seus filhos a importância da disciplina e dedicação com seu trabalho, assim será mais fácil para a adaptação dos estudos em casa;

10 – Converse e explique a situação atual: Diante desse momento, o importante é explicar todo o contexto de forma leve e lúdica para as crianças, mostrando que esse período é passageiro e logo todos voltaram a sua rotina.

 

Rebeca Toyama é especialista em estratégia de carreira e conscientização financeira. Atua há 20 anos como coach, mentora, palestrante, empreendedora e professora. É especializada em psicologia transpessoal e eneagrama. Atualmente está cursando mestrado sobre bem-estar e conscientização financeira.
Fundadora da Academia de Coaching Integrativo e fez parte da Comissão de Recursos Humanos do IBGC (Instituto Brasileiro de Governança Corporativa). 
Colaboradora do livro Coaching Aceleração de Resultados, Coaching para Executivos. Integra o corpo docente da pós-graduação da ALUBRAT (Associação Luso-Brasileira de Transpessoal) e Instituto Filantropia. Coach com certificação internacional em Positive Psychology Coaching e nacional em Coaching Ontológico e Personal Coaching com o Jogo da Transformação.

 

Home Office + quarentena + filhos

Tá fácil nãoooooo, mas eu to nessa vida de home office há 6 anos e confesso que sem planejamento é muito difícil e nada produtivo. A Organização é uma  das chaves para que tudo flua.

Dessa vez está um pouco mais complicado, pois as crianças já acostumadas com a sua rotina escolar, começam a ficar entediadas e ter a presença materna e ou paterna em casa é sempre legal para eles, e sinônimo de: – brinca comigo?

Geralmente em guias / dicas de home office, a primeira dica é:

  • Desenvolver uma rotina de horários.

Na teoria é lindo, mas quando se tem uma casa “funcionando” e filhos por perto, a rotina pode não fluir e acabamos por nos frustar. Estabeleci comigo mesma: enquanto dormem eu trabalho o máximo que consigo e depois que eles estão acordados dependo do “bom humor” e da compreensão.

Eu, por exemplo trabalho na mesa de jantar (péssimo para a coluna e quando recebemos visita, meu escritório vai pro armário) mas depois que o Pipe nasceu o meu escritório virou o quarto dele, enfim, sem desculpas para trabalhar rs.

Mas, se você dedica o dia todo para trabalho estabeleça o seu horário comercial. Seja eles das 8hrs às 18hrs, das 09hrs ás 18hrs, mas escolha de acordo com o seu dia a dia. Claro, se priorizarmos um determinado horário para fazê-lo todos os dias, assim como em um emprego formal criamos o hábito de trabalhar com foco até dar o horário, se você tem um local dentro de casa para tal, feche a porta e sorrindo diga: Tchau Família, estou indo trabalhar. (tá eu sei que isso pode não dar certo, rs)

OK Rafa, mas como ter um ambiente para trabalhar?

Separe um lugar na sua casa com uma mesa para trabalhar.
No meu caso 1/3 da mesa de jantar, mas criei todo um cantinho organizado, apenas com o necessário. Escolha uma cadeira confortável para você, se necessário coloque uma almofada nas costas para trazer ainda mais conforto.

A iluminação é muito importante, se possível trabalhe próximo a uma janela que receba a luz do dia, caso não seja possível, busque por um abajur ou luminária para deixar na sua mesa. Você passará horas importantes ali, desenvolvendo o seu trabalho (e no meu caso, sendo interrompida pelos filhos rs). Portanto, deixe o ambiente agradável, confortável e muito bem iluminado.

Alimentação e o home office.

Estar em casa ás vezes faz com que belisquemos, então priorize as principais refeições e faça 1 hora de almoço. Comidas leves e bastante água, pois trabalhamos sentados. E NUNCA coma em frente ao PC, ok?

Dê uma pausa!
“Pesquisadores de uma empresa de mídia social rastrearam recentemente os hábitos de seus funcionários mais produtivos. Eles descobriram que os melhores trabalhadores normalmente trabalhavam intensamente por cerca de 52 minutos e depois faziam um intervalo de 17 minutos.” – Carolyn O’Hara –
Dica de ouro hein.

Beijos de longe, lavem as mãos, usem álcool gel e que sejamos luz no caos.

Os desenhos e os ensinamentos

Já não é de hoje que os desenhos nos fazem refletir e nos ensinam em muitas situações não é?

Pensando nisso, os novos episódios de Mickey Mouse: Mix de Aventuras irão mostrar a importância de trabalhar em equipe e ainda ensinar alguns valores que as crianças vão carregar pela vida inteira.

Confiança
A confiança é um dos sentimentos ressaltados quando se trabalha em equipe. Na série, as crianças podem ver como Mickey e sua turma confiam uns nos outros e sempre se ajudam quando têm problemas a resolver ou em qualquer outra situação.

Convivência
A série também mostra como o trabalho em equipe ajuda a melhorar a convivência entre um grupo, seja de amigos, colegas de classe ou conhecidos. Algumas tramas dos episódios ressaltam que apesar de nem sempre concordarem, Mickey e seus amigos conseguem viver em harmonia.

Opinião
Durante as atividades, a turma aprende a expressar e ter opiniões, a ouvir e respeitar os pensamentos do outro. Mesmo que no início não concordem, com o passar do tempo, as crianças aprendem que mostrar suas opiniões com cordialidade é mais produtivo.

Erros
Ao trabalhar em equipe, as crianças passam pelos mesmos aprendizados que Mickey e sua turma. Em um dos episódios ele e seus amigos refletem sobre os seus erros e acertos e aprendem como podem melhorar juntos.

Atividades em grupo são uma boa forma de tornar as crianças mais sociáveis, além de ensinar algumas lições que os pequenos vão carregar pela vida inteira.

Já estamos aguardando os novos episódios, e vocês?

 

Coronavírus chega ao Brasil, o que fazer?

Coronavírus no Brasil, e agora?!

Até brinquei com a Drª Ana Escobar, que gentilmente nos concedeu uma entrevista via telefone no dia de hoje: 27/02/2020: quando nasce uma mãe, nasce uma doida e quando surge vírus como esse,  ficamos ainda mais endoidecidas rs.

Dentre tantas dúvidas e questionamentos, tentamos passar para vocês calma e informação.
A Drª está disponibilizando um e-book gratuito com diversas informações e dicas.

Para entender um pouco mais sobre:
o Coronavírus é o nome de uma família de vírus que têm formato de coroa. Eles causam infecções respiratórias e já provocaram outras doenças. Ele é conhecido desde 1960, outras doenças provocadas por este tipo de vírus são a Síndrome Respiratória Aguda Grave (Sars) e a Síndrome Respiratória do Oriente Médio (Mers). Além deles, há o Alpha coronavírus 229E e NL63 e o Beta coronavírus OC43 e HKU1. A doença causada pelo novo coronavírus recebeu o nome de Covid-19.
Ele foi descoberto no final de dezembro de 2019, na China. A primeira morte foi registrada no dia 9 de janeiro.

Coronavírus x Rotina Escolar:

E para sabermos como, proteger nossas crianças em fase escolar vamos lá:

O vírus é rapidamente contagioso. Por isso, sem pânico, devemos tomar alguns cuidados.

1. Orientem crianças a lavar as mãos com frequência.

2. Ao tossir e ou espirrar, posicionar o antebraço em frente à boca ou nariz.

3. Se a criança tiver febre NÃO mandar para a escola.

4. As escolas NÃO devem receber crianças com febre e devem orientar os pais.

 

 

 


Drª Ana, e o álcool gel?

Sabemos comprovadamente que ele é eficaz. No entanto, a  água e sabão são super eficazes para matar o vírus e devem ser nossa preferência.

E a máscara Drª Ana, posso mandar meu filho pra escola com ela?

Não há orientação para o uso da máscara. Na verdade, a máscara deve ser usada por quem está com alguma doença, para proteger as pessoas à sua volta.

Coma bem, durma 8 horas à noite e exercite-se. Isso tudo fortalece o sistema imunológico.

Quanto mais forte o sistema imunológico, menos riscos a criança e os adultos têm de contrair qualquer doença.

Um beijo da Drª Ana Escobar, e lembre-se sempre: lavem  as mãos.

Irei deixar as redes sociais da Drª onde são alimentadas sempre com conteúdos informativos:
@draanaescoba

Oh Lá Lá Oh

Cabelo ok;
Unha ok;
Maquiagem ok;
Arco Solar feito por mim Ok, rs.

É carnaval e se você vai viajar com os amigos, curtir um bloquinho, ir na Matinê ou ate assistir um Netflix, podemos entrar no ritmo né?

Vou te ensinar a fazer um arco lindo, e super rapidinho pra você entrar no clima.

Você vai precisar de:

Tesoura, cola quente ou pegamil, sianinha e claro um arco, rs.
Folhas de E.V.A  glitter em 2 cores:
– Dourado e ouro velho.
Para os detalhes usei folha auto colante de glitter.

Antes de iniciar qualquer DIY, eu já marco tudo e recorto, fica mais fácil de montar depois.

Dica: marque sempre o E.V.A pelo verso e para facilitar o corte, cole com dupla face o molde, assim ele não “anda”.

Cortei os raios solares nos dois tons de E.V.A, um eu imprimi do tamanho da folha e o outro um pouco menor.

Cole a parte maior no arco (repare que deixei uma parte em baixo para “abraçar” a base), a parte menor fiz a mesma coisa.

Outra dica, rs: eu optei por não colar os raios uns nos outros, mas você vê o que fica melhor no seu gosto.

Para fazer as estrelinhas penduradas, cole a sianinha na haste do arco.
Comece a colar as estrelas, lembrando que temos a nossa orelha rs, então cole uns 4 ou 5 dedos para baixo ok?
As estrelas eu também cortei em duas cores para ficar bem lindinho.

Gostaram da Dica rápida e beeeem basiquinha , rs?
Minhas folhas de E.V.A são da loja Real Mixx, aproveita e dá uma conferida no site que tá cheio de acessórios carnavalescos com descontos.

Beijos e se beber não dirija e nem ligue pro ex hein.

MOLDES:

Berço Mu.Be, do nascimento até os 7 anos.

Novidade a gente AMA né? e quando essa novidade traz economia?

SIM!!! a Cia do Móvel lançou um berço, daqueles que cresce com os nossos filhos sabe?
O Berço Mu.Be é isso: um berço multifuncional que, além de dispor de um trocador, gaveta e nichos, se transforma em uma cama de solteiro (rodinhas e grades vendidas separadamente), um baú, escrivaninha, estante e porta brinquedos, acompanhando o desenvolvimento da criança.

Com design básico, o berço Be.Mu vai desde o nascimento até os 7 anos da criança! sim você leu direito ate os 7 anos, kkkkkk ou seja, só trocamos se enjoarmos né?

Mas Rafa, como esse berço se vira em 5?!

PASMEN!!!

Ele vira um quarto completo com:  baú, escrivaninha, estante e porta brinquedos.

Ideal para ambientes compactos como o quarto do Felipinho, a cama é mais baixa que uma convencional, levando em consideração a independência da criança de acordo com sua estatura e fase de desenvolvimento. Além disso, a escrivaninha auxilia no desenvolvimento cognitivo da criança, que pode ter esse espaço reservado para soltar a criatividade com seus desenhos, leituras e estudos. Da mesma forma, baú, estante e porta brinquedos garantem que o quarto esteja sempre em ordem, sem tirar os brinquedos do alcance das mãos das crianças.

Todos os produtos levam em consideração os requisitos de conforto e segurança necessários tanto para o bebê quanto para a criança. A Cia do Móvel possui certificação do Inmetro e é a única empresa do segmento certificada na ISO 9.001. “Desenvolvemos os nossos produtos com muita criatividade e inovação, mas sem abrir mão de todas as exigências e requisitos necessários para garantir o conforto e a segurança da criança. Essa é a nossa prioridade”, salienta o diretor.

Sabe o que eu amei também, a cartela de cores:

E vocês o que acharam da novidade?

Beijos.

Objetivos para 2020, vem entender como traça-los.

Eitaaaaa que 2020 nem chegou e já depositamos nele, em seus 365 dias uma vontade imensa de mudanças, de metas e desafios novos não é?

Mas perai, como foi o seu ano de 2019?
Vixi Rafa, foi frustante…
Quero apagar da memória!
Foi desafiador.

O meu não foi diferente não… Voltei (devagar quase parando rs) com o blog e outras coisas profissionais, sai da minha zona de conforto, me aventurei e quando olho pra trás tenho orgulho dos meus feitos e tenho muitas cobranças porque sei que eu podia ter feito mais por mim.

Os objetivos devem ser concretos e factíveis, ou seja, não adianta almejar algo que está muito distante de acontecer, tá eu sei que ir até a Lua já foi considerado uma loucura, mas vamos pensar razoável para não nos frustramos. “As metas mais simples devem ser as primeiras na hora de buscar a realização, dessa maneira é possível já ir eliminando e sobrar mais tempo para correr atrás das mais difíceis. As mudanças graduais são mais fortes que as mudanças radicais”, diz o Dr. Fernando Gomes médico neurocirurgião do Hospital das Clínicas.

Gerenciar os pensamentos na virada de ano, no aniversário ou sempre que houver datas ou que algo não estiver fazendo bem emocionalmente e classificar o lado bom e o lado ruim das coisas ajuda a manter o foco naquilo que realmente merece atenção. E a explicação científica garante o sucesso. “Exames como de Ressonância Magnética Funcional do Encéfalo, permite ter a noção das áreas que são ativadas quando temos algum pensamento ou desenvolvemos alguma tarefa. Assim, as escolhas “certas”, inclusive do ponto de vista moral, visam a manutenção de um equilíbrio geral e bem estar”, conclui Dr. Fernando.
Viuuuu como as nossas decisões interferem na nossa saúde mental?
Outra dica de ouro, eu achei top demais essa: Escrever e checar semanalmente se os objetivos estão sendo atingidos é fundamental. Dr. Fernando orienta a traçar as conquistas em 5 pontos, como se fosse uma estrela. “Em cada ponta organize tudo que precisa acontecer no trabalho, na família, no lazer, na saúde física e na financeira. Esses pontos são essenciais para que as pessoas se sintam completas e realizadas efetivamente” explica.
Nós podemos conquistar TUDO, com objetivo, organização, metas e perseverança. Não seja seu maior obstáculo, seja o seu maior motivador.
Bora, conquistar 2020?

Let It Gooooo e a Kipling

Entra ano, sai ano e você houve:

– Oh mãe, eu quero uma mochila nova!

O coração dispara, você olha a mochila e pensa: meu deus, mas essa tá novinha!! (não no meu caso, mãe de dois meninos que devem usar mochilas como skate, bola de futebol porque estão destruidinhas, rs)

Mas vamos confessar que papelaria e artigos escolares são uma explosão de fofura não é?
Na temática volta as aulas, personagens infantis fazem a vez e deixam todo mundo maluco (incluindo nós, os adultos). Eu mesma já quero uma mochila.

Em falar em personagens queridos, em Janeiro de 2020 Frozen 2 chega as telonas e certeza de serem um dos queridinhos das crianças.

Quem não viu 550 vezes o filme Frozen 1 ?
Ouviu a Frase: – Mãeeeeee eu sou a Ana / Elza!

Confesso que eu e o Rico assistimos tantas vezes e eu sempre chorava, kkkkkkk.

Durante a temporada de festas, a Kipling lança uma edição especial em comemoração ao tão esperado filme da Disney, “Frozen . Serão 11 peças da coleção, que incluem uma seleção de mochilas, bolsas, lancheiras e estojos. O mix incluí também estampas do universo místico e os amados personagens Anna, Elsa e Olaf em um material texturizado e uma estampa inspirada no estilo nórdico do filme. Os preços variam entre R$ 299 e R$ 949.

A designer chefe Christine Lee explica, “Durante o processo de design, nosso time foi instruído para criar uma coleção elevada, que reflete como os personagens cresceram e agora estão por conta própria. Fomos inspirados pela individualidade deles e tentamos capturar seus espíritos com uma mini coleção cápsula dedicada a cada personagem. Para Elsa, nós destacamos sua assinatura com brilho e uma paleta de azul em contraste com preto, para combinar com sua atitude destemida. Para Anna, os designers incorporaram Sherpa e veludo cotelê inspirados em seu estilo realista, enquanto a cápsula de Olaf apresenta texturas suaves, como nylon acolchoado e felpo para sua personalidade calorosa.”

A coleção Kipling & Disney Holiday 2019 Frozen 2 já está disponível nas lojas de todo o Brasil e também online através do www.kipling.com.br/frozen.

Nem sei eleger qual a minha favorita, rs.

E você já elegeu a sua?

 

Bem casa, bem nascido, bem vivido e bem sucedidos?

Eita que o “bem” invadiu de vez as comemorações e esse ano eu conheci o Bem Vivido e fazendo essa matéria conheci o bem sucedido rs.

O doce conquistou outros eventos como: batizados, bodas, formaturas, aniversários e até eventos corporativos, além de um novo “sobrenome”, também passou a ter uma variação de sabores. E continua como uma opção certeira de lembrancinha, afinal, o clássico nunca sai de moda não é?
A história sobre a origem do bem casado até hoje não é definida, mas o doce deve ter mais de 100 anos de existência, a maioria das fontes dizem que seu surgimento foi em Portugal, derivado dos “casadinhos portugueses”, mas existem relatos de que podem ter surgido na Espanha e, ou até mesmo na África do Sul. O doce que ganhou fama pela seu formato e simbolismo, já faz parte de diversos momentos especiais, começou em festas de casamento, selando e abençoando os noivos, já que o bem-casado representa a união de duas partes seladas pela cumplicidade e respeito mútuo.

Embora o processo de fabricação seja o mesmo, o recheio, a embalagem, o formato e a maneira como eles compõem os eventos é que fazem a diferença. Até porque o simbolismo que o doce representa é o que importa.

Olhem só como o nosso tradicional bem casado cresceu:

Bem Casados – Casamentos: dar sorte ao casal e convidados;

Bem Nascidos – Maternidade e Batizados: boas vindas ao bebê desejando vida feliz e muita saúde;

Bem Vividos – Aniversários: dar as bênçãos por mais um ano vivido;

Bem Sucedidos – Empresas: oferecer prosperidade e fortuna;

Bem Unidos – Bodas: para compartilhar a união feliz e o amor eterno;

Bem Formandos – Formatura: dar sorte à carreira que se inicia;

Bem Jovens – Debutantes: para compartilhar a juventude eterna.

 

Porém os bem casados, mantém o recheio clássico de doce de leite ou cupuaçu, já suas outras vertentes podem ser diferenciadas e terem o recheio de acordo com o anfitrião da festa. Se por um acaso, você optar por dois recheios diferentes, é de bom grado seu convidado receber 1 de cada.

No aniversário dos meninos os bem vividos fizeram um charme na mesa, brincamos com as embalagens de acordo com a roupagem dos super heróis e foi sucesso, fora que são uma delicia né?

A @lilarigourmet embalou eles com o papel tradicional e assim nasceram os bem vividos: Thor, Capitão América, Hulk e Homem de Ferro.

Foi a primeira vez que utilizei no aniversário dos meninos e adorei a opção de coloca-los na mesa, mas ficaria super bacana como lembrancinha também.

E você, o que achou?

Cólicas, calma que é normal!

Ahhh a Maternidade e as provas de sanidade mental que somos colocadas, rs.

CÓLICAS!

Meu Senhor, eu só tenho a agradecer, o Enrico teve uma única vez, já o Felipe algumas rs.
E não adianta simpatia nenhuma, rs pois as cólicas não estão associadas a nenhuma doença. Na verdade, ás cólicas (contrações da musculatura abdominal) são naturais e esperadas, isto é, fazem parte do desenvolvimento da criança. Elas acontecem nos primeiros três meses de vida porque seu filho está se acostumando a digerir o leite e a flora intestinal dele ainda não está formada. Lembre-se ele ficou 41 semanas só no líquido amniótico. É uma adaptação necessária para que o corpo da criança aprenda a lidar com o volume do alimento e também com os gases. JUDIAÇÃO, né? Mas me lembro do ditado da minha mãe: – Crescer dói!.

Por aqui usei bastante uma bolsinha de água quente própria para bebês, elas eram luz!
Recentemente descobri que a Algoducci desenvolveu uma Bolsinha Térmica com Sementes Terapêuticas, que contém erva-doce, camomila, linhaça e capim-santo para dar um cheirinho especial.

O produto é confeccionado em tecido 100% algodão permeável e pode ser lavado. Beeeem receita de vó né? A receita seguida pela empresária Regina Villanueva, na época em que seus filhos eram recém-nascidos, foi a inspiração para a criação, e acabou virando um produto da marca.

Além de ser recomendável para amenizar o desconforto tanto das cólicas quanto dos gases dos bebês, a bolsinha também é indicada para cólicas menstruais, informa a empresária Regina Villanueva, idealizadora da marca. Quanto a forma de utilização Regina explica: “A bolsinha deve ser aquecida no micro-ondas em média 30 a 40 segundos, mas é aconselhável que a mãe teste a temperatura antes de colocar na barriguinha do bebê, por cima da roupinha, até que os sintomas passem”.

Muitas são as dúvidas e inseguranças quanto aos motivos do choro do bebê, que servem de alerta para as mães. E para falar sobre esse assunto, consultamos a pediatra Dra. Loretta Campos, que esclarece: “As cólicas podem ser identificadas quando o bebê chora com intensidade, encolhe as perninhas e arqueia as costas para trás, estica-se e se espreme, além de soltar puns. Normalmente a cólica ataca no final da tarde e à noite, mas em casos mais difíceis o bebê chora a qualquer hora do dia. Pode ficar difícil dar de mamar para o bebê quando ele está tão desconfortável, algumas vezes a cólica pode aparecer durante a amamentação”, explica a médica.

PELOAMORDEUS em circunstancia nenhuma deem chá para os bebês, a vizinha recomendou e ou a prima da amiga do fulano fez e foi ótimo, bebês até os 6 meses precisam de Leite Materno e ou Fórmula (para aqueles que não mamam no peito).

Remédios somente sob prescrição do pediatra, OK?

Somos mães e claro que o desespero do nosso bebê, também é o nosso, então …

  • Respire, tente se acalmar para não passar para ele o seu nervosismo;
  • Coloque ele de bruços e embale-o em seus braços;
  • Massagens circulares em sentido horário no abdômen e ao redor do umbigo ajudam a soltar os gases. Um pouquinho de óleo de bétula ou de amêndoa, isso aquece o local e acalma o bebê;
  • as bolsinhas de água são super relaxantes e fazem um ótimo resultado;
  • leve ele para um ambiente mais calmo, com pouca luz, cante para ele e ou coloque uma musiquinha relaxante;
  • barriga com barriguinha: calor e aconchego.

Nenhum bebê nasce pronto, assim como nunca estamos prontas, então: que venham as experiencias.

Beijos enormes e espero que tenham gostado da dica.