Podologia – Saúde dos Pés –

Para que preciso de pés quando tenho asas para voar? – Frida Kahlo – 

Maaaaaas como não somos Frida e precisamos dos pés né? rs. Hoje vamos falar sobre os cuidados com eles. Os pés são nossa base e cuidar deles, não se trata apenas de estética qualquer desconforto ou problemas afetam a nossa postura e a capacidade de realizar as atividades do dia a dia. Gente se uma bolha no calcanhar faz com que a gente sofra de dor, imagina uma unha encravada.

E para esse bate-papo, ela que me deixa com os pés de princesa rs: – Sabrina Lima.

Sabrina, o que é a podologia?

A palavra Podologia deriva do grego: “podo” que significa pé e “logos” que significa estudo/tratado. Desta forma, a Podologia é a ciência da área da saúde que estuda, previne, diagnostica e trata as alterações dos pés e as suas repercussões no corpo humano. Está é a importância da podologia. Assim como outras ciências da saúde, a podologia teve grande evolução nos últimos tempos e continua em constante transformação.O tratamento dos pés deixou de ser visto como simples prática estética e passou para prática da área da saúde fazendo uso de instrumentos e técnicas para tratar as mais diversas podopatologias.

Por que devo procurar um podólogo?

Nossos pés são a base do nosso corpo e são eles que sustentam nosso peso e aguentam o impacto de nossas atividades rotineiras. Manter a boa saúde dos pés, através do acompanhamento e tratamento podológico é permitir qualidade e vida saudável. No entanto, podemos dizer que muitas pessoas só se lembram de cuidar dos pés somente quando tem dor ou patologia se manifesta.

Então, qual seria o momento adequado para procurar o podólogo?

Sempre! Quando os pés estiverem acometidos com alguma patologia, nós da área iremos cuidar e tratar dela e quando não houver patologia, o objetivo do atendimento será sempre a prevenção, profilaxia e relaxamento. Desta forma, é fundamental manter a frequência no profissional da área.

 

Quais as patologias que mais acometem os pés?

  • Onicocriptose – também conhecida como unha encravada (inflamada)
  • Onicoatrofia – deformidades nas unhas
  • Onicomicose – micose que acomete as unhas
  • Onicólise – descolamento da unha
  • Onicofose – excesso de pele na lateral das unhas
  • Onicorexe – unha quebradiça
  • Tínea Pedis – frieira
  • Calos e Calosidades
  • Fissuras no Calcâneo (rachadura no calcanhar)
  • Verruga plantar (olho de peixe)
  • Fascite Plantar
  • Esporão de Calcâneo

E Sabrina, existe uma idade certa?

Não! O choro frequente no caso de um bebê, muitas vezes, pode não estar associado a cólicas ou dor de ouvido, mas a uma unha encravada que inflamou, sabia? A solução é recorrer a um especialista em Podologia Infantil. A técnica é muito eficaz no tratamento do problema, desencadeado principalmente por conta de cortes irregulares da unha, calçados e roupinhas justas ou constante atrito do pezinho no bebê-conforto, cadeirinhas e carrinhos. A herança genética também é uma das causas. “Quando os pais têm unha encravada, provavelmente, seus filhos apresentarão algum tipo de problema nos dedinhos”, afirma a especialista, que atende crianças de todas as idades, inclusive recém-nascidos.

A Sabrina é formada há 12 anos pelo Senac Santos e tem algumas especialização como:
– órtese de curso de curativos com biogel;
– curso de laserterapia e
– curso de ozonioterapia.

Em seu canal no youtube ela mostra alguns atendimentos e dá dicas de como manter seus pés saudáveis.
Sabrina Podologia

E você, me conta como cuida dos seus pés?